31.1.15

A dor aceite mata o medo e o desejo de uma cajadada só

O problema do medo da solidão é que ele nos faz desejar... o que não somos (ter os outros)
Desejar o que não se é é estar morto e não estar ainda em vias de renascer
A dor aceite mata o medo e o desejo de uma cajadada só :P
Interessante: essa expressão é usada para os coelhos... simbolicamente, os que se procriam... como 'desalmados'... de tão escravos do medo e do desejo...
A Terra tem tanta gente porque tem tanto medo e desejo... que se extravasa na forma de sexo sem o cuidado do sentir: o carinho

Boa notícia para quem não quer ou não pode saltar de pára-quedas para vencer o medo: pode sentir a dor que traz na alma... aí salta para o abismo do ser... sem pára-quedas :P
A dor que traz na alma é a porta para o espírito que é

Enfrentar o medo leva-nos diretamente a quem somos
O desejo é a negação desse caminho apontado pelo medo, é um desvio do ser ao ser
Fear, Tear: enquanto houver medo por enfrentar, haverá lágrimas por derramar...
http://youtu.be/JxPj3GAYYZ0
O medo é a ausência do amar da alma... cheio de fé, de fogo in-terno

O problema não está no mundo mas no medo que o homem tem dele - de si
Mundo significa limpo: o problema está no medo de se limpar por dentro, de ser só luz
Temer é estar sujo, ou impuro por dentro... só o amar da alma lava... da raiz até às pontas
Epah a Saudade é um champô e pêras - dos raios da alma ! ... deixa-os ultra-suaves
Se houvesse sabão para a alma seria português, ou então, lusófono  porque a melhor marca está registada pela lusofonia - SÔDADE