27.1.15

A rosa é a beleza, a cruz é a saudade

"A rosa representa o equilíbrio devido a uma dualidade interessante: a beleza da flor (promessa, esperança, novo começo) e os espinhos (defesa, perda e fraqueza)"
A beleza da flor revela-se devido à dor dos espinhos
A rosa é a beleza, a cruz é a saudade

 
 
"Que símbolo fecundo
Vem na aurora ansiosa?
Na Cruz Morta do Mundo
A Vida, que é a Rosa.
Que símbolo divino...
Traz o dia já visto?
Na Cruz, que é o Destino,
A Rosa que é o Cristo.
Que símbolo final
Mostra o sol já desperto?
Na Cruz morta e fatal
A Rosa do Encoberto."
Fernando Pessoa
A Beleza do Ser é o Encoberto!