26.1.15

A vida veio da água, e a água é morte

"Vês agora a união da saudade com a água? Com a água e com a morte. Bernardim Ribeiro sabia. Era esse o segredo cantado no canto do rouxinol sobre a corrente." Dalila Pereira da Costa
A vida veio da água, e a água é morte, sim, a morte totalmente entregue ao sentimento da vida!
A saudade é como a água que se deixa atravessar inteiramente pela luz
http://youtu.be/u5W9QZ4KU7U