28.1.15

O amor gay pode dar muito mais ao mundo

Aquilo que a vida propõe, no fundo, a um casal que não pode conceber fisicamente crianças é o seguinte: iluminai-vos a vós próprios e que os vossos filhos sejam todos os seres da Terra! Não vos limitais a apenas uma família material, criem a família espiritual que é a vossa família real!
A religião e a sociedade que se opõem ao relacionamento gay são o movimento da própria vida dizendo implicitamente: vocês podem fazer melhor do que isso - SER, o vosso amor é para dar muito mais ao mundo... aquilo que o vosso amor mostra é que, mais do que corpos que pensam, somos almas que sentem, e é como tal que o homem precisa urgentemente se rever a si próprio!

 
Enquanto estivermos preocupados em defender as nossas crenças pessoais e não colocarmos o nosso ser ao serviço de uma força maior, estaremos aquém de nós mesmos e a vida cairá sobre nós de modo a que o nosso ser real se revele
Depois de assumirmos essa força maior dentro de nós, não é que ela não caia também sobre nós, mas nós já não estamos lá, a força maior que nos guia tomou o nosso ser nos seus braços e não estamos presos à ilusão do tempo e dos outros
Os outros passam a ser a própria vida emitindo os seus sinais esclarecedores daquilo que sentimos por dentro