14.2.15

A melhor velhice

A melhor velhice é aquela em que já não tens força para sair de ti... para não amar... e aí, dentro de ti, podes viver de novo a eterna infância que és
http://youtu.be/esv6JJue6Ww
O Dharma é o regresso do amor, de si próprio

Neptuno é o velho Saturno que se cansou de sair de si próprio...
Que todo o Karma é para nos cansar: «vê como cansa saires de ti mesmo!»
Chega chaga, não quero mais fugir nem fingir... só sorrir... em mim
http://youtu.be/xrNLqYh9mkM

Just wanna breathe the bliss of feeling you in me, of loving you
http://youtu.be/Iieuxk9LyxE
Cou-rage: a coragem é a raiva que volta ao coração (Marte a Vénus)
A raiva é a raiz do ser - a energia de raiz... que, quando enraizada na terra que é o coração, floresce natural-mente
Ainda não és o teu nome, estás a criá-lo, só o serás quando o deres à luz...
http://youtu.be/YzTDC0bCye4

O teu nome é como uma semente que trazes na mão... cujo propósito é dar-te à luz
O propósito da mãe (mente) e da criança (coração) é darem-se à luz uma à outra... amadas eternas
Caranguejo vem de Gémeos, porque a mente é mãe do coração que é a criança, do 'Leãozinho'
Mas ela só sabe ser a mãe (mão) que é quando unida ao sentir da alma

 
A mente (cabeça) só sabe ser mãe quando fundida à alma (cauda)
Ser mãe é ser capicua, igual à vida, à luz

 
O amor é o auge da vida, mas só quando aquele que ama é ele mesmo mãe do amor que é
http://youtu.be/hhxti4nFTdc

Só tu me sabes amar como Ninguém... só tu me sabes amar como a Vida...