18.2.15

Só vale a pena combater na guerra que nos restitua o poder de sentir o prazer de ser paz

A paz merece sentir o prazer de ser paz
O prazer precisa da paz para ser infinito, livre
A paz é o coração, o prazer é o sexo, a mente é a guerra
Só vale a pena combater na guerra que nos restitua o poder de sentir o prazer de ser paz
http://youtu.be/uGAxnjss9g0
A verdadeira alegria é o prazer de ser paz: a alma

Desejo e Prazer, um busca o outro... e em ambos se descobre o mesmo ser...
No de-sejo, a falta do ser e, no pra-zer, o propósito de ser
É pra ser o prazer e não para buscá-lo fora de si, e para sê-lo é preciso uni-lo à paz que é a sede do ser

Paz e Prazer, as duas asas do anjo: só apraz quando vem da paz
http://youtu.be/q6fokAoaBW4